FANDOM


Tatiana Blackthorn (nascida Lightwood), é a criança mais nova e única filha de Barbara e Benedict Lightwood. Ela é a irmã mais nova de Gabriel e Gideon Lightwood.

Biografia

Vida Pregressa

Tatiana Lightwood nasceu como a filha mais nova de Barbara e Benedict Lightwood em 1862. Desde que sua mãe morreu em torno de um ano após seu nascimento, Tatiana foi criada de uma forma protetora por seu pai, que a protegia de suas atividades e ensinou-lhe que iria crescer e se transformar em uma mulher elegante que apoiaria seu marido Caçador de Sombras e faria seu dever de ter mais filhos Caçadores de Sombras.[2] Além disso, Tatiana era extremamente amarga por não ter conhecido sua mãe e culpou seus irmãos por sua ausência.[3]

Quando criança, Tatiana desenvolveu um enorme paixão pelo novo membro do Instituto de Londres, Will Herondale. Em uma festa de Natal no Instituto, quando ela tinha em torno de onze ou doze anos, Will encontrou o diário de Tatiana, que continha poemas de seu amor por ele e o nome dela, escrito como "Tatiana Herondale". Querendo que Tatiana parasse de gostar dele, Will roubou seu diário e o leu em voz alta para todos os convidados, embaraçando-a profundamente e enfurecendo seus irmãos, Gideon e Gabriel, este último tão furioso que tentou machucar Will, mas acabou tendo seu próprio braço quebrado na luta.

Pecados do Pai

Tatiana eventualmente superou Will e se casou com Rupert Blackthorn. Logo depois de sua lua-de-mel, na qual o casal viajou pelo continente,[2] Tatiana, grávida aos 16 anos, e seu marido, retornaram a Londres para fazer a seu pai, Benedict, uma visita. Entretanto, eles não tinham conhecimento que Benedict estava agora no estágio final de sua contraída varíola demoníaca e já tinha se transformado em um demônio — especificamente, um grande verme demoníaco. O casal foi atacado, e, para o horror de Tatiana, Rupert foi devorado e prontamente morto pelo seu pai- agora demônio. Tatiana foi incapaz de fazer qualquer coisa a não ser gritar em terror enquanto o verme levava Rupert. Os Caçadores de Sombras do Instituto de Londres chegaram logo depois, e Tatiana explicou a eles a situação. Quando Tatiana encontrou o corpo mutilado de Rupert, particularmente seu pé, ela ficou congelada em terror e tão chocada que ela teve de ser arrastada até a carruagem, longe da batalha, por Tessa Gray.

Enquanto Tatiana estava de luto pela morte de seu marido e pai, as residências dos Lightwood e suas propriedades foram confiscadas pela Clave como parte de sua investigação. Tatiana, que tinha sido acolhida pela família de seu falecido marido, Rupert, também temia a vergonha que a família iria sofrer se a verdade sobre a morte de seus pais fosse pública. Em um esforço para tentar encobrir e salvar sua reputação, ela mentiu e afirmou que Benedict tinha sido assassinado por seus irmãos, Gideon e Gabriel, como também pelos outros do Instituto de Londres. Ela fez uma queixa oficial ao Conselho contra eles, no entanto, nem mesmo o Cônsul Wayland, que não gostava de Charlotte Branwell, a líder do Instituto de Londres, acreditou em suas afirmações.

Algum tempo depois, Tatiana participou da reunião de emergência da Clave, convocada por Wayland, discutindo a posição de Charlotte como líder do Enclave de Londres. Tatiana apoiou o pedido de Wayland, embora suas declarações de má vontade tivessem sido questionadas pelo Inquisidor Whitelaw. Para desmenti-la, Whitelaw revelou a verdadeira natureza da morte e doença de Benedict, contando a ela que, se não fosse pelos residentes do Instituto de Londres, a família Lightwood teria perdido suas Marcas, abandonados para serem mundanos, e teriam o nome de sua família retirado dos registros.[4] Antes que Tatiana pudesse responder, o ansioso Cônsul interrompeu o Inquisidor. Apesar de vários autômatos terem interrompido a reunião e atacado os Caçadores de Sombras, Tatiana estava entre aqueles que sobreviveram.

Negociações Sombrias

Em algum momento, em uma desconhecida ordem dos eventos, Tatiana deu à luz a seu filho, Jesse, mudou-se para Idris, voltou para a Mansão Lightwood em Chiswick, e adotou Grace Blackthorn, criando-a sob sua tutela. Seu filho, Jesse, no entanto, nasceu tão fraco e doente e não era esperado que vivesse até a idade adulta. Tatiana ficou cada vez mais reclusa, recusando-se a ver até seus próprios irmãos, a quem ela passou a odiar.[5]

Ao crescer, seu filho Jesse expressou seu desejo de ser treinado e receber runas como outros Caçadores de Sombras, aos quais Tatiana negou repetidamente. Finalmente, em 1896, aos 17 anos, ele exigiu que ela lhe permitisse ter sua primeira cerimônia rúnica ou ele fugiria para Alicante e a faria ele mesmo. Então Tatiana cedeu e chamou os Irmãos do Silêncio. A cerimônia correu bem no começo, no entanto, quando ele retornou ao seu quarto, ele desmaiou. Ele acordou com febre e gritando e Tatiana começou a fazer os preparativos no caso de sua morte. No final, quando ele estava morrendo, Tatiana entrou na sala com o medalhão da família Blackthorn para capturar seu último suspiro. Ela então trouxe um feiticeiro para a sala para preservar seu corpo e afastar sua alma, para que a alma de Jesse pudesse vagar entre os mundos e estar presente.

Ao longo dos anos, Tatiana se envolveu com magia negra; estudando o ofício de perto, fazendo acordos com demônios e coletando itens que podiam ser usados para ressuscitar Jesse ou fazer seus inimigos pagarem. No verão de 1900, ela conseguiu que Grace convencesse James Herondale a roubar uma pulseira para ela. A pulseira estava encantada para permitir que as habilidades de Grace funcionassem nele e prepará-lo para o Príncipe do Inferno Belial, com o qual ela havia negociado.[6]

Em 1903, ela chamou Magnus Bane e pediu que ele realizasse um ritual que envolvia a morte de cinco Caçadores de Sombras. Magnus deduziu que ela usaria isso para alquimiar a magia por um feitiço e, embora ela lhe oferecesse uma quantia obscena de dinheiro, Magnus recusou.[5] Mais tarde naquele ano, Tatiana decidiu voltar para Londres com a filha, na esperança de se vingar e finalmente trazer o filho de volta à vida. Belial comandou um Mandikhor para enviar seus demônios Khora atrás dos Caçadores de Sombras de Londres. Ele o mandou matar Barbara Lightwood como um presente para Tatiana, para que ela pudesse ver seu irmão sofrer. Ele então teve Tatiana atacada pelo demônio para afastar qualquer suspeita dela.

No entanto, quando ela acordou de seu sono induzido, ela ficou cética sobre seus raciocínios e lealdade. Ela então descobriu que o último suspiro de Jesse havia sido liberado do medalhão. Enfurecida, ela se convenceu de que era culpa de James e tentou encontrar uma maneira de se vingar dele, usando Grace. Na reunião do Enclave para discutir os ataques anteriores do Mandikhor, Tatiana acusou James de ter conspirado com demônios para orquestrar os ataques e depois incendiar a Mansão Blackthorn para destruir sua prova. Quando Cordelia Carstairs forneceu um álibi a James, ela culpou seus amigos Matthew Fairchild, Thomas Lightwood e Christopher Lightwood. A Consulesa entrou e mencionou o número de magia demoníaca e itens necromânticos que encontraram nas ruínas de sua casa. Tatiana caiu no chão gritando e chorando que ninguém iria ajudá-la enquanto a prendessem.

Ela recebeu clemência, a Clave acreditando que a perda de seu filho havia quebrado sua mente, e ela foi sentenciada a morar com as Irmãs de Ferro. Antes de partir, ela foi autorizada a recolher algumas de suas coisas em sua casa e lá falou com Belial. Ele explicou que tinha sido seu plano o tempo todo que ela fosse enviada à Cidadela Adamant para que ela pudesse atacar a Clave por dentro.[6]

Aparições

Curiosidades

  • Tatiana recebeu o nome de uma amiga russa de sua mãe.
  • Tatiana criou toda uma falsa narrativa de sua vida que ela conta para seus filhos e outras pessoas.[7]
    • Em O Herdeiro da Meia-Noite, Tatiana mente para Magnus Bane sobre como Jesse morreu – provavelmente para conseguir mais simpatia dele para ajudá-la.
  • De acordo com uma árvore genealógica "encontrada", Tatiana morreu em 1918 com 55 ou 56 anos, e seu filho, Jesse, viveu e chegou a casar com a filha de Will, Lucie.
    • Um erro na mesma árvore genealógica afirma que Tatiana nasceu em 1857, tornando-a a mais velha dos irmãos Lightwood, quando ela era na verdade a mais nova, um fato comprovado por declarações de personagens na série. Aparentemente, também de acordo com Cassandra Clare, Tatiana é na verdade um ano mais nova que Will.[1]

Referências

Esta página utiliza conteúdo de uma página da The Shadowhunters Wiki. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.