FANDOM


ALERTA DE SPOILER: Detalhes do enredo a seguir. Aconselhamos atenção!

Rosemary era uma Caçadora de Sombras parte-fada descendente da linhagem Herondale perdida de Tobias Herondale e do Primeiro Herdeiro de Faerie. Ela é a mãe de Kit Herondale.

Biografia

Vida Pregressa

Rosemary foi criada em uma mansão por seus pais ricos.[1] Ela também era ciente da linhagem de sua família – que ela era de uma longa linhagem secreta de Herondales que a Clave não conhecia, e foi ensinada sobre a crueldade da Clave e suas Leis,[2] e que ela também era parte-fada e que a Corte Unseelie queria eles mortos devido a sua linhagem. Por causa da ameaça constante, ela levou uma vida protegida, constantemente se mudando, muito para seu aborrecimento. Ela também foi treinada em combate desde muito jovem.

Quando ela tinha dezesseis anos, Rosemary conheceu um ladrão que se chamava Jack Crow em Los Angeles. Jack tinha a Visão, e os dois começaram a passar mais tempo juntos, misturando-se com o Submundo, com Jack conduzindo negócios no Mercado das Sombras local. Eles eventualmente se apaixonaram.

Depois de um tempo, seus pais informaram sua intenção de se mudar novamente. Rosemary ficou frustrada e fugiu durante o dia. Ela nunca realmente entendeu o perigo em que eles estavam, confiante em seus anos de sobrevivência,[1] até que ela chegou em casa naquela noite para encontrar seus pais assassinados.[1][2]

Rosemary procurou Jack e planejou isso como seu último adeus. Rosemary contou a ele sobre seus segredos e Jack insistiu em se juntar a ela na corrida.

O casal se mudava constantemente, para vários lugares, incluindo Berlim, Tóquio, Rio e Reykjavik, e estabeleceu novas identidades – com novos nomes e novos rostos[1][2] – e conexões para o Submundo todas as vezes, tanto para os negócios de Jack e para sua segurança.[1] Jack fez o que pôde para protegê-la e se usou como um peão, fingindo ser o Herondale perdido para se firmar como alvo em vez dela.[2]

Fuga de Paris

Enquanto em Paris, ela e Jack foram rastreados pelo Irmão do Silêncio Zachariah, que esperava proteger o Herondale perdido. O casal o antecipou e fez parecer que Jack era o Herondale perdido e não ela.

Enquanto isso, conforme combinado, Rosemary e Jack se separaram, planejando se encontrar novamente em seu "antigo local" no Mercado das Sombras de Los Angeles, uma vez que a trilha sobre eles esfriasse. Rosemary reafirmou a ele que era a opção mais segura, já que ela não o queria por perto por causa da circunstância insegura em que estava prestes a entrar.

Quando Johnny foi embora, Rosemary foi atacada por um demônio Achaieral e depois ajudada pela Caçadora de Sombras Céline Montclaire. Rosemary pediu um iratze e alertou a Céline sobre confiar em Valentim Morgenstern, suspeitando que ela seria uma candidata perfeita para as formas tortuosas de recrutamento de seguidores de Valentim, antes de mandá-la embora para falar com o Irmão Zachariah.

O ardil falhou quando o Irmão viu através de seu plano e reconheceu os traços de um Herondale nela. Quando Rosemary se recusou a se juntar a ele em busca de proteção, Zachariah devolveu sua herança Herondale, informando-a que ele a encantara para que ela pudesse ligar para ele se precisasse de ajuda.[2]

Separação

Uma vez que ela tem Christopher, ela finalmente entende seus pais, suas vidas consumidas pelo medo. Não por eles, mas por ela. Ela se recusa a impor isso ao filho. Ela quer uma vida melhor para ele, algo mais que arame farpado e alarmes de segurança. Ela quer que ele tenha um lar. Ela quer que ele conheça a confiança, conheça o amor. Ela quer salvá-lo de se esconder.

–A realização de Rosemary sobre sua vida, Através do Sangue, Através do Fogo

Rosemary e Jack acabaram tendo um filho juntos. Com a vida de seu filho Christopher agora também em perigo, Rosemary ficou menos disposta a viver em fuga, não querendo criar Christopher nessas circunstâncias. Rosemary decidiu se distanciar deles, não querendo que as fadas soubessem que ela tinha uma prole e outro herdeiro para caçar, e fez Jack concordar em não contar ao filho a verdade sobre sua linhagem para que ele pudesse "crescer sem medo do mundo."

De início, Rosemary simplesmente morava longe do marido e do filho e observava Kit de longe. Eventualmente, no entanto, quando Christopher tinha três anos, Rosemary foi encontrada pelas fadas. Ela decidiu perder todo o contato com eles, forçando Jack a assumir novas identidades que ela não seria capaz de localizar para protegê-los.[1]

Porque Jem Carstairs e Tessa Gray conheciam sua identidade e o perigo em que ela estava, eles estavam ansiosos para encontrar ela e sua família em um esforço para proteger os Herondale perdidos.[3] Eventualmente, em 2012, Rosemary, vencida pela solidão e sentindo falta de seu marido e filho, retornou a Los Angeles, apenas para se sentir mais próxima deles novamente, porque ela não os abordou de verdade. Ela morava em um bangalô, onde ela imaginava um lar para eles, construindo um jardim que ela achava que seu filho poderia gostar. No fim das contas, ela foi rastreada pelos Cavaleiros de Mannan. Percebendo que ela estava em grave perigo, ela usou seu colar de garça encantado para entrar em contato com Jem, pedindo-lhe para proteger seu filho. Ela já havia sido morta por Fal em sua casa no momento em que eles chegaram.[1]

Descrição Física

Rosemary tem cabelos loiros e olhos azuis.

Pertences

Aparições

Curiosidades

  • Quando Kit estava crescendo, Johnny disse a ele que sua mãe era uma dançarina de Vegas que os deixou depois que ela deu à luz a ele.[5]

Referências

Esta página utiliza conteúdo de uma página da The Shadowhunters Wiki. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.