FANDOM


Outras versões
ALERTA DE SPOILER: Detalhes do enredo a seguir. Aconselhamos atenção!
Eu odeio estar deixando você. Eu cuidaria de você, se pudesse. Você sabe disso, certo? Eu assumiria o Instituto. Eu amo muito todos vocês.

–Helen para Jules, Cidade do Fogo Celestial

Helen Penhallow Blackthorn, também conhecida entre as fadas como Alessa, é a filha mais velha de Andrew Blackthorn e, junto com seu irmão Mark, é de sua prole meio-Caçadores de Sombras e meio-fada com Nerissa. Ela era um ex-membro do Conselho e é a esposa de Aline Penhallow.

Biografia

Vida Pregressa

Helen nasceu filha de Andrew Blackthorn e da fada da Corte Seelie Lady Nerissa em 1989. Ela foi seguida por seu irmão mais novo Mark antes de seus pais se separarem. Enquanto ela e Mark inicialmente permaneceram com Nerissa, ela finalmente os enviou a Andrew no Instituto de Los Angeles onde eles foram criados e treinados como filhos de Caçadores de Sombras. Ela recebeu sua primeira Marca quando tinha dez anos de idade.

Apesar de ter uma mãe diferente, Helen tornou-se muito próxima de seus irmãos mais novos e cresceu cuidando deles. Sendo a mais velha de sete filhos, ela se acostumou com a vida dela ser louca e agitada, embora isso não a faça imune a sentir-se exasperada com as palhaçadas de seus irmãos. No entanto, ela os ama plenamente.

Em algum momento durante a sua vida, ela chegou à conclusão de que era bissexual[1] e se assumiu para seus pais. Eles aceitaram-na casualmente, ao que parece, permitindo a sair com quem ela queria. Em algum momento, ela conheceu Aline Penhallow, e as duas começaram a namorar em público, muito para a desaprovação geral da Clave.

Ano de Viagem

Em 2007, Helen completou 18 anos e passou seu ano de viagem pela Europa. Em algum momento durante seu tempo em Paris, o feiticeiro Mori Shu enviou a ela uma mensagem pedindo proteção contra o culto Mão Escarlate. Em vez de conceder a ele a custódia protetora e pedir ajuda ao Instituto de Paris, Helen decidiu que queria cuidar disso sozinha, pois não queria que os Caçadores de Sombras pensassem nela como mais membro do Submundo do que eles já pensavam que ela era. Então ela concordou em se encontrar com Mori em Paris, mas o culto interveio, enviando um grupo de demônios Iblis atrás deles. Se não fosse Alec Lightwood, que passou por eles em um balão de ar quente com Magnus Bane, Helen e seu companheiro Leon Verlac não teriam sobrevivido. No entanto, o incidente assustou Mori Shu e, por isso, ele fugiu para Roma.

Ainda assim, Helen não recorreu ao Instituto em busca de ajuda. No caminho para segui-lo até Roma, ela parou na festa de Malcolm Fade, em Veneza, visto que era realizada na sede anterior do culto. Em sua investigação do prédio, ela encontrou Alec novamente. Ela ficou extremamente desconfiada da presença de Alec, bem como do namorado dele e do fato de que ambos tinham acabado de chegar de Paris também. Ela pediu que ele fosse com ela e Leon ao Instituto de Roma para responder a algumas perguntas. Embora Leon discordasse de ver como ele salvara suas vidas e estava claramente vestido para a festa. De má vontade, Helen o liberou e eles continuaram sua busca antes de seguirem para Roma.

Alguns dias depois, Helen encontrou Alec mais uma vez, desta vez no lugar exato em que ele se recusara a ir com ela: o Instituto de Roma. Ao vê-lo, ela o fez segui-la até a sala de registros e começou a interrogá-lo como ela queria inicialmente. Ela fez várias perguntas sobre a Mão Escarlate, Magnus, e o que havia acontecido em Veneza com o corpo de Mori sendo encontrado antes de ser interrompida pela companheira de Alec, Aline Penhallow. As duas se alternaram por alguns minutos com apenas algumas interjeições de Leon e Alec. Eventualmente, Helen decidiu oferecer a Alec e Aline que fossem com ela a um ponto de encontro que a Mão Escarlate havia usado no passado, na esperança de pegar Magnus no ato.

CJ Alec, Helen & Aline 01, RSoM

Alec, Aline e Helen lutando contra demônios Cherufe.

No caminho para o local, eles receberam notícias de Shinyun Jung para encontrá-los em um local diferente, com base em um informante mais recente que Mori, e os três concordaram em ir para lá. Enquanto esperavam que eles aparecessem e olhavam ao redor da clareira, Alec percebeu que o líder oculto que procuravam era Shinyun. Quando eles tentaram sair, foram presos por demônios Cherufe. Depois de lutar e escapar dos demônios de fogo, três deles foram para o quartel-general da Mão Escarlate através de Alec rastreando Magnus.

Juntos, eles lutaram contra os membros do culto e alguns demônios Shinigami, resgataram Magnus, capturaram Shinyun e acabaram com o culto. Logo os Caçadores de Sombras do Instituto de Roma começaram a inundar a cena e apreender os cultistas restantes. Helen e Aline ajudaram a diretora do Instituto, Chiara Malatesta, a varrer o terreno atrás de cultistas ou demônios perdidos. Quando eles voltaram, encontraram Alec e Shinyun havia desaparecido. Eles então começaram a planejar o que dizer à Clave, tanto quanto o que havia acontecido, sem implicar nenhum deles. Antes que eles pudessem discutir quem eles alegariam ser o líder, Aline chamou abruptamente Helen para um encontro. Embora devesse ir a Praga em alguns dias para continuar seu ano de viagem, Helen concordou e decidiu ficar em Roma mais um pouco para se encontrar com Aline.[2]

O relacionamento deles ficou sério muito rápido e logo Helen apresentou Aline aos seis irmãos e as duas trocaram alianças de família.

Conselho

Quando Helen voltou de sua viagem, algumas semanas depois, ela conseguiu um assento no Conselho como representante do Conclave de Los Angeles. Quando Jace Lightwood desapareceu, a Clave começou a procurar por ele e Sebastian Morgenstern. Depois de duas semanas de busca, quando o Conselho recomendou a despriorização da busca, pois não havia evidências de que Jace estivesse vivo, Helen estava entre os que votaram contra, sentindo que precisavam procurar por Jace. Infelizmente, eles foram anulados e a busca foi despriorizada, de qualquer maneira, a favor de se concentrar apenas em restabelecer as barreiras que Sebastian havia destruído.

Algum tempo depois, no Instituto de Nova York, Helen e sua namorada Aline estavam falando em particular com Maryse Lightwood quando Isabelle e Alec atualizaram sua mãe sobre o que tinha acontecido até o momento, especialmente que tinham encontrado Jace e Sebastian, bem como alguns dos seus planos através de Clary. Embora surpresas, Helen e Aline concordaram em não revelar nada para a Clave. Helen ainda se juntou ao grupo e ajudou-os em sua batalha contra Sebastian e seu exército de Caçadores de Sombras Malignos no Burren.[3]

Guerra Maligna

Apenas algumas semanas após a batalha no Burren, Helen ainda estava com os Família Penhallow em Idris, quando o Instituto de Los Angeles foi atacado por Sebastian. Somente seus irmãos mais novos – Com exceção de Mark – e Emma Carstairs conseguiram escapar do ataque, e foram até Helen para que ela cuidasse deles. Eles também descobriram que seu pai, Andrew, foi transformado em um Crepuscular, e Mark, que não foi transformado, como resultado de sua herança das fadas, foi levado por algum motivo; embora mais tarde fosse revelado a todos que ele foi capturado por causa de sua infeliz herança e dado à Caçada Selvagem como um gesto de boa vontade de Sebastian para honrar a sua aliança com a Rainha Seelie e sua Corte.

Sobre esta realização, além da informação que receberam sobre o momento do ataque de Sebastian em Alicante, a Clave havia preparado a cidade com elementos para proteger contra as fadas, como o ferro frio e sal. Por Helen ser parte fada, ela foi também um pouco afetada por esses instrumentos, embora apenas ligeiramente. Independentemente disso, ela ainda lutou para proteger seus irmãos e Emma enquanto ela os acompanhou até o Salão dos Acordos, onde todas as crianças Nephilim em Idris estavam sendo escondidas.

A próxima reunião do Conselho, realizada três dias após a guerra estar ganha, levantou a questão de o que fazer com Mark e Helen, ambos cuja lealdade estava sendo questionada só por causa de sua herança das fadas, bem como devido à paranoia após a revelação de que Meliorn, também meio fada, podia mentir. Helen, tendo dezoito anos, teria tido permissão para se tornar tutora legal de seus irmãos se não fossem as circunstâncias; isto foi desconsiderado ainda mais quando seu tio Arthur chegou e aceitou a posição como chefe do Instituto e guardião dos Blackthorn.

Apesar da firme lealdade de Helen e a devoção a ambos os Caçadores de Sombras e sua família, e devido ao intenso desejo de vingança contra o as fadas e qualquer pessoa com o sangue das fadas, a maioria dos membros da Clave ainda optaram por puni-la e seu irmão; Helen, sendo mostrado que ela não seria necessária para o propósito de cuidar de seus irmãos, foi exilada para a Ilha Wrangel, no Ártico para estudar as barreiras indefinidamente enquanto o assunto era investigado, e a busca para resgatar Mark da Caçada Selvagem foi abandonada. Desolada, Helen foi deixada sem escolha a não ser aceitar e confiar que seu tio Arthur seria capaz de cuidar de seus irmãos. Antes de partir para a Ilha de Wrangel, ela disse seu adeus a seus irmãos e Emma, e disse a seu irmão Jules para cuidar do que resta de sua família. Sua namorada Aline também prometeu segui-la para ilha, na semana seguinte, após as reuniões pós-guerra do Conselho terem começado.[4]

Em Exílio

Helen finalmente pediu Aline em casamento, e as duas ficaram noivas. Elas planejavam se casar em Idris com seus amigos e famílias em primeiro de dezembro de 2009. A mãe de Aline, sendo o Cônsul, tornou isso possível, convencendo a Clave para lhes permitir temporariamente deixar a ilha e ficar em Idris por um dia inteiro para o seu casamento. Em troca, Helen faria uma palestra na Academia dos Caçadores de Sombras servindo de lição para seus estudantes ficarem contra as fadas. Helen concordou.

Após a sua chegada à Academia, ela foi recebida com desgosto, desprezo e medo, assim como a Clave esperava. Helen foi forçada a dizer aos alunos a história – embora fosse uma versão falsa – de seus pais, que ela também tinha acabado de descobrir – uma história que também devastou ela e a fez momentaneamente duvidar de sua natureza. Um dos estudantes Simon Lewis, no entanto, foi mais intimamente familiarizado com Helen através de Clary e não a despreza. Além disso, Isabelle tinha pedido a Helen para buscar Simon por ela, e Helen pediu a Catarina Loss para enviar Simon para seu quarto. Depois de uma breve conversa com Simon, ela enviou o casal para seu encontro.[5]

Helen retornou mais tarde para Idris, desta vez com Aline para o seu casamento. Seus amigos e família tinham chegado, e a pessoa que levou Helen ao altar foi Jules. Após a cerimônia, Simon veio para abraçá-la e passou uma mensagem de Mark, que a levou as lágrimas.[6]

Enquanto no exílio na Ilha Wrangel, Helen tornou-se fascinada pelas barreiras, e tinha potencial para se tornar uma das melhores especialistas do mundo das sombras. Ela espera que sua experiência faça com que os Nephilim permitam que ela volte para casa. No entanto, ela continua a sofrer por causa de sua separação de sua família,[7] e embora ela permaneça em constante comunicação com eles, Jules manteve-a absorta sobre o sofrimento de seus irmãos, particularmente seu próprio sofrimento, e as dificuldades que encarava no Instituto.

Incapaz de voltar para casa ainda quando Mark retornou ao Instituto de Los Angeles, Helen teve que se contentar em falar com ele pelo telefone.[8]

Praga

Em 2012, Helen e Aline detectaram quando o antigo Alto Feiticeiro de L.A. Malcolm Fade rompeu as barreiras do Instituto de L.A. e imediatamente relatou a Jia. Nessa época, elas também viram os primeiros sinais da praga dos Caçadores de Sombras nos mapas de Alicante, na área da Floresta Brocelind, e informaram Jia sobre isso.

Sabendo o que elas sabiam, Diana Wrayburn – a tutora dos irmãos mais novos de Helen – planejou com Jia que Helen e Aline estivessem presentes na reunião do Conselho para discutir a praga e potencialmente se apresentar como as novas chefes do Instituto de Los Angeles, uma posição que foi desocupada pela morte de Arthur. Enquanto Jia não podia sequer considerar isso por causa das complicações das viagens de Portal para e da Ilha Wrangel, Diana encontrou um jeito, permitindo que Helen se reunisse com seus irmãos. Na reunião, Helen não conseguiu chegar à sua irmã mais nova Livvy a tempo de impedir que Annabel a matasse.[9]

Voltando Para Casa

No caos causado depois que Annabel assassinou Livvy e Robert Lightwood e Horace Dearborn conseguiu subir ao poder como o novo Inquisidor, Jia designou sua filha como diretora temporária do Instituto de Los Angeles. Assim, permitindo que Helen, como esposa, voltasse para casa e terminasse seu exílio. A dupla voltou para casa junto com Mark, Dru, Cristina, Ty, Kit e Tavvy para evitar o interrogatório de Horace.

Uma vez em casa, Helen se viu lutando para se reconectar com seus irmãos mais novos. Como todos estavam de luto pela perda da outra irmã, estavam mal-humorados e queriam ficar sozinhos ou com Julian – que os criou e esteve lá por todos esses anos. Eles consideravam Helen mais estranha do que qualquer outro irmão e ela se viu perdida sobre o que fazer. Helen finalmente teve um avanço com seus irmãos depois de uma noite aliviando os pesadelos de Tavvy e consolando Dru depois que ela desabou sobre as pessoas irem embora. A partir de então, seus irmãos deixaram de ser tão frios com ela e eles começaram a se conhecer melhor.

Quando o Registro foi aprovado, Helen e Aline planejaram miná-lo enquanto ainda cumpriam sua cota. Eles acabaram dando nomes falsos aos membros do Submundo – geralmente pertencentes a uma celebridade mundana – para que, enquanto estivessem tecnicamente registrados, a Clave não pudesse encontrá-los.

Alguns dias depois, Cristina, Mark e Kieran retornaram de sua missão de resgate em Faerie com Jace e Clary; seguido alguns momentos depois por Julian e Emma, que estavam visivelmente feridos e vestidos estranhamente. Quando Emma voltou à consciência alguns dias depois, Helen foi a primeira a irromper na sala e abraçá-la. Depois que Julian e Emma compartilharam sua história de Thule, Helen se encarregou de fazer com que o grupo se concentrasse e planejasse o que eles precisavam fazer sobre a praga.

Alguns dias depois, Julian convocou um conselho de guerra, surpreendendo Helen com o fato de que ele foi capaz de entrar em contato com tantos membros do Submundo e Nephilim. Independentemente disso, Helen apoiou seu plano e ajudou a montar o Santuário para os visitantes. Após a reunião, Helen pegou um Portal com o resto do grupo para a Floresta Brocelind e no dia seguinte ela fez parte do grupo que ficou para trás esperando ser emboscado pelos seguidores de Dearborn.

Após a emboscada, Helen, juntamente com os outros que ficaram para trás, marcharam com o grupo de seguidores para os Campos Eternos, no meio da negociação da Tropa. Logo a batalha começou e Helen lutou ao lado de sua esposa, mais tarde se unindo a Jia. E quando Julian e Emma se levantaram como Verdadeiros Nephilim, Helen estava entre aqueles que tentaram convencê-los a voltar de seu estado gigante; apenas tendo sucesso quando Dru e os outros se juntaram a eles.

Algumas semanas após a Clave ser condenada ao exílio, Helen e Aline foram oficialmente nomeadas como diretoras do Instituto. Na festa de casamento surpresa de Magnus e Alec, Aline disse a Helen que gostaria de ter um bebê. Helen ficou muito animada com a ideia, dizendo que o filho seria como uma irmãzinha ou irmãozinho de Ty, Dru e Tavvy. Embora quando Aline sugerisse que a nomeassem Eunice (se fosse uma menina), Helen disse firmemente que não.[10]

Personalidade e Traços

Helen é generosa, compassiva e uma pessoa amorosa, bem como leal e responsável. Ela considera os outros, mesmo aqueles que ela não conhece, em suas decisões.

Descrição Física

Helen é pálida, bonita e delicada, com seu sangue feérico contribuindo para a sua beleza. Ela tem cabelo claro, branco-ouro que cai em cachos e está por muitas vezes escondido atrás de suas orelhas pontudas. Ela também tem os olhos azul-esverdeados, marca de sua família.

Habilidades e Competências

  • Fisiologia Nephilim: Sendo Nephilim, Helen possui uma variedade de habilidades físicas e mentais aprimoradas concedidas a ela pelo sangue de anjo de Raziel em suas veias e também pelas Marcas angelicais do Livro Gray. Isso inclui força, velocidade, agilidade, resistência e coordenação aprimoradas, que continuam a melhorar com o tempo e a prática.
    • Visão: Como uma Caçadora de Sombras (e meio-fada), Helen é naturalmente e facilmente capaz de ver através das maioria das ilusões mágicas e camadas de disfarce sobre a realidade.
    • Magia Rúnica: Devido ao sangue de anjo em suas veias, todos os Caçadores de Sombras são capazes de aplicar runas em sua pele sem qualquer perigo real. Essas Marcas, por sua vez, dão efeitos variados que servem para beneficiar o usuário.
    • Uso de armas celestiais: Como uma Caçadora de Sombras, Helen também é capaz de realizar tarefas únicas de sua espécie, como a habilidade de usar e apelar ao poder dos anjos para suas lâminas serafim, bem como para lidar com quaisquer armas ou objetos celestiais com efeito, o que normalmente não funciona para outras espécies. Em particular, estas são ferramentas feitas de adamas e forjadas por Irmãs de Ferro.

  • Audição aprimorada: Por causa de seu sangue feérico, Helen deve ter um melhor senso de audição do que outros, embora não tanto quanto a de uma fada pura, mas comparada quando ajudada por runas de Caçadores de Sombras.[9]
  • Imunidade a fraquezas feéricas: Embora ela seja parte fada, as coisas que afetam e enfraquecem outras fadas não a prejudicam, como seu nome de fada, madeira de sorveira e ferro puro.[9]

Pertences

  • Uma cafeteira não elétrica que Magnus criou, que pode ser vagamente definida como um presente de despedida a partir do momento em que Helen e Aline foram para o exílio na Ilha Wrangel.[5]

Relacionamentos

Família

Tarot Runes 8
Ela é a luz dos meus dias.

–Helen para Mark sobre Aline, Senhor das Sombras

Aline é a esposa de Helen. As duas se conheceram enquanto Helen estava em seu ano de viagem em Roma, logo após a Guerra Mortal. Seu primeiro encontro foi um pouco confuso, mas depois de um dia de aventuras lutando contra demônios e terminando um culto, Aline convidou Helen para sair. Helen concordou, decidindo prolongar sua estadia em Roma para sair com ela.

Semanas em seu relacionamento, elas já estavam comprometidos o suficiente para trocarem alianças de família – um gesto muito sério entre Caçadores de Sombras, semelhante a compromissos mundanos. Quando Helen foi exilada para a Ilha Wrangel, Aline a seguiu, e Helen logo a pediu em casamento. Elas foram finalmente autorizadas a se casar em Idris, mas foram forçadas a voltar ao exílio no dia seguinte.

Três anos depois, Helen e Aline finalmente conseguiram voltar para casa e assumiram a administração do Instituto de Los Angeles e criação das crianças. Helen inicialmente lutou para se reconectar com os irmãos mais novos, mas com o apoio de Aline – e repreensões às próprias crianças – elas conseguiram romper essa barreira. Em poucas semanas, elas ganharam o papel de figuras parentais e começaram a discutir a possibilidade de ter um bebê.

Tarot Rings 5

Sendo a mais velha de sete filhos, Helen cresceu responsável por seus irmãos, cinco deles seus meios-irmãos, e os amava mesmo assim. Ela aparentemente tem um bom relacionamento com todos eles e se preocupa com eles profundamente. Quando foi decidido que ela seria exilada e seriam separados dela, ela ficou incrivelmente de coração partido e aterrorizada com a perspectiva de deixá-los.

Embora Jules tivesse apenas doze anos na época que ela foi forçada a deixá-los, ela confiava nele para cuidar dos outros, sendo o mais velho deixado – Já que até mesmo Mark estava ausente e preso com a Caçada Selvagem –. Ela especificamente pediu-lhe para prestar atenção especial em Ty.

Quando ela voltou do exílio anos depois, lutou para se reconectar com os irmãos. Eventualmente, ela teve um avanço e foi capaz de reparar seus relacionamentos. Ela imediatamente substituiu Julian como guardiã deles.

Andrew é o pai de Helen que criou ela e Mark como Caçadores de Sombras do Instituto apesar de sua descendência. Quando soube da notícia de que o Instituto foi atacado, e que seu pai foi transformado em um Crepuscular, ela ficou horrorizada, ainda mais depois que ele foi morto em Idris por seu irmão mais novo, Jules. Helen e seus irmãos lamentaram a morte de seu pai.

Arthur, o tio de Helen, tornou-se o novo chefe do Instituto e guardião de seus irmãos e Emma após os eventos da Guerra Maligna. Helen foi então forçada a confiar que ele iria cuidar de seus irmãos mais novos, e acreditava que ele parecia um homem bastante agradável.

Nene é a tia feérica de Helen, com quem se aproximou bastante. A dupla frequentemente se comunicava através de cartas ao longo dos anos e ajudou Helen a aprender mais sobre sua herança. Nene claramente se preocupa com a sobrinha e o sobrinho e muitas vezes veio ao seu auxílio; mesmo quando era contra sua matriarca.

Amigos

Helen tem uma boa amizade com Alec, e os dois se conheceram através de Aline, que é amiga de infância dos Lightwood.

Alec votou contra mandá-la embora para Ilha Wrangel para estudar as barreiras, juntamente com alguns dos membros do Conselho.

Emma é uma amiga da família dos Blackthorn e melhor amiga de Jules. Helen parece se importar com Emma tanto quanto com seus irmãos.

Quando os pais de Emma morreram, tinha sido Helen que deu a notícia a ela e testemunhou ela chorar. Helen estava muito preocupada e tentou consolá-la.

Durante o período que ela foi para a Academia dar uma palestra sobre a sua família, ela acabou fazendo amizade com Simon, com ambos dando conselhos aos outros, Simon a tranquilizou sobre a sua união com Aline Penhallow e ela ajudou ele no romance com Isabelle Lightwood, e convidando ele para ir ao seu casamento com Aline.

Aparições

Galeria

Veja mais aqui

Etimologia

Seguindo a tradição da família de nomes gregos e latinos, Andrew nomeou Helen por causa de Helena de Troia.[11]

Curiosidades

  • Helen, assim como seu irmão e a maioria das fadas, é bissexual.[12]
  • Sua arma de escolha são lâminas serafim.[7]
  • A verdadeira idade de Helen, incluindo o tempo que ela passou em Faerie com Mark, é desconhecida. A idade inicial deles desde que se juntaram ao mundo humano foi uma estimativa estimada por Andrew, que fez seus aniversários designados para fins de celebração.
    • Seus aniversários podem eventualmente ser revelados "se eles encontrarem alguém que possa lhes dizer".[13]
  • Helen estava no meio de seu ano de viagem em Os Pergaminhos Vermelhos da Magia. Porque ela foi definida para continuar com suas viagens, em seguida, retornar a Los Angeles depois, com Aline Penhallow retornando a Alicante, ela e Aline iriam passar algum tempo separadas depois de ficarem juntas,[14] fazendo com que o par começasse a escrever cartas de amor.[14][15]

Referências

Família Blackthorn
Adelaide Blackthorn † | Aline Penhallow | Andrew Blackthorn † | Annabel Blackthorn | Arthur Blackthorn † |
Dru Blackthorn | Eleanor Blackthorn † | Ephraim Loss † | Eva Blackthorn † | Felix Blackthorn | Grace Blackthorn |
Helen Blackthorn | Jesse Blackthorn | John Blackthorn † | Julian Blackthorn | Livvy Blackthorn † | Lucie Herondale |
Malcolm Fade † | Marjorie | Mark Blackthorn | Nerissa † | Tavvy Blackthorn | Rupert Blackthorn † | Tatiana Blackthorn | Ty Blackthorn | Tristan Blackthorn
Caçadores de Sombras Notáveis
Abigail Caçadora de Sombras | Alastair Carstairs | Alec Lightwood | Aline Penhallow | Aloysius Starkweather † |
Amatis Herondale † | Andrew Blackthorn † | Anna Lightwood | Annabel Blackthorn † | Anush Joshi | Ariadne Bridgestock | Arthur Blackthorn † | Ash Morgenstern | Barbara Lightwood | Beatriz Mendoza | Cameron Ashdown | Cecily Herondale | Céline Herondale † | Charles Fairchild | Charlotte Fairchild | Christopher Lightwood | Clary Fairchild | Cordelia Carstairs | Cristina Rosales | David, o Silencioso | Diana Wrayburn | Diego Rosales | Divya Joshi | Dru Blackthorn |
Edmund Herondale | Emma Carstairs | Ephraim Loss † | Eugenia Lightwood | Gabriel Lightwood | Gideon Lightwood | Grace Blackthorn | Helen Blackthorn | Henry Branwell | Hodge Starkweather † | Horace Dearborn † |
Imogen Herondale † | Irmão Enoch | Irmão Jeremiah † | Irmão Zachariah | Isabelle Lightwood | Jace Herondale |
Jaime Rosales | James Herondale | Jem Carstairs | Jessamine Lovelace † | Jesse Blackthorn | Jia Penhallow | Jocelyn Fray | Jon Cartwright † | Jonathan Caçador de Sombras | Julian Blackthorn | Julie Beauvale † | Kit Herondale |
Livvy Blackthorn † | Lucie Herondale | Luke Garroway | Manuel Villalobos | Marisol Garza | Mark Blackthorn |
Maryse Lightwood | Matthew Fairchild | Max Lightwood † | Michael Wayland † | Mina Carstairs | Tavvy Blackthorn | Rafael Lightwood-Bane | Robert Lightwood † | Roland Loss | Rosemary † | Sebastian Morgenstern † | Sebastian Verlac † | Simon Lewis | Sona Carstairs | Sophie Collins | Stephen Herondale † | Tatiana Blackthorn | Tessa Gray | Thais |
Thomas Lightwood | Ty Blackthorn | Tobias Herondale † | Valentim Morgenstern † | Wayland, o Ferreiro |
Will Herondale † | Zara Dearborn
mais...
Fadas
Adaon | Aeval | Airmed † | Arabella | Arawn † | Ash Morgenstern | Auraline † | Celithe | Delan † | Eochaid † | Erec † | Etarlam † | Ethna † | Fal † | Fergus |Guardião do Portão de Lir | Gwyn ap Nudd | Hefeydd | Helen Blackthorn | Hyacinth | Iarlath † | Kaelie Whitewillow † | Karn † | Kieran | Kit Herondale | Mãe Hawthorn | Mark Blackthorn | Meliorn † | Mordecai | Nene | Nerissa † | Oban † | Rainha Seelie | Richard | Rosemary † | Sallows † | Winter
Esta página utiliza conteúdo de uma página da The Shadowhunters Wiki. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.