FANDOM


Versão Alternativa
ALERTA DE SPOILER: Detalhes do enredo a seguir. Aconselhamos atenção!

Cameron Ashdown é um ex-Caçador das Sombras que trabalha com a rebelião contra a Legião da Estrela em Los Angeles, em Thule, apesar da lealdade de sua família para com o último.

Biografia

A história deste personagem é idêntica à de sua contraparte de dimensão alternativa até pouco antes da Guerra Maligna, onde a linha do tempo se dividiu e as seguintes mudanças ocorreram.

Refúgio

Meses depois que a Guerra Maligna foi perdida para Sebastian Morgenstern, Cameron acabou na estrada. Ele pegou trens para voltar a Los Angeles, onde sua irmã disse que era seguro. Ao longo do caminho, enquanto em Chicago, Cameron correu para as quatro cranças Blackthorn restantes e começou a viajar com eles.

Ao chegar na Union Station, eles foram recebidos por sua irmã Paige, e ele logo soube que sua família havia se juntado à Legião da Estrela. Cameron imediatamente enviou os Blackthorn para salvá-los de sua família. Cameron não queria jurar sua lealdade a Sebastian, porém ele fez isso para que pudesse sobreviver. A certa altura, ele se conectou à pequena resistência que estava se desenvolvendo na cidade.

Algum tempo depois, Cameron encontrou Dru e Livvy Blackthorn a caminho do Instituto e as parou antes que elas pudessem se render e se juntar a eles por desespero. Em vez disso, Cameron as levou para o Edifício Bradbury, onde a resistência planejava estabelecer suas raízes. Todos trabalharam juntos para invadir o prédio e reforçá-lo.

A resistência logo ficou muito maior, com mais refugiados de diferentes cidades chegando. Cameron continuou a lutar com a resistência enquanto fingia ser leal à Legião para poder alimentar a informação à resistência. Ele também acabou entrando em um relacionamento com Livvy.

Sacrifício

Em 2014, enquanto estava em uma praia onde Sebastian estava realizando uma execução, Cameron viu um par estranho à espreita: Julian e Emma. Embora ambos tivessem inicialmente assumido que eles eram os Crepusculares Julian e Emma, eles insistiram que eles eram Julian e Emma de outro mundo. Cameron notou as runas de Julian e as apontou para Livvy, que decidiu levá-los junto com eles de volta para Bradbury.

Cameron levou os dois para um quarto e trouxe suprimentos. Tendo assumido que eles eram um casal como suas contrapartes de Thule, apontou os preservativos na mesa de cabeceira. Julian então pediu a ele um bloco de notas, que mais tarde ele contou a Livvy, levando a garota a finalmente confiar em Julian.

Com sugestões de Emma e Julian e a eventual ajuda da Última Feiticeira Tessa Gray, o grupo fez planos para recuperar os Instrumentos Mortais da Cidade do Silêncio. No dia da execução do plano, Cameron entrou na cidade com Emma e Julian. Sebastian e uma parte de seu exército emboscaram os rebeldes, e Cameron foi deixado dentro da cidade para se defender sozinho. Quando Sebastian ordenou a recuperação de tudo na Cidade do Silêncio, Livvy disse a Tessa para selar a cidade mais uma vez, sacrificando Cameron que ainda estava dentro.

O pensamento do sacrifício de Cameron foi uma força motriz que impediu Livvy de se juntar a Emma e Julian para o mundo onde sua família estava inteira, determinada a continuar sua luta e fazer com que seu sacrifício significasse alguma coisa.[1]

Personalidade e Traços

Cameron é dito como sendo mais engraçado, às vezes com um senso de humor obscuro, do que sua contraparte.

Descrição Física

Cameron é ruivo, alto e musculoso.

Aparições

Referências

Esta página utiliza conteúdo de uma página da The Shadowhunters Wiki. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.